Contato Comercial
+ 55 41 2169-6868
Inovação Logística: conheça as principais tendências para 2022

Inovação Logística: conheça as principais tendências para 2022

mercado logístico também é influenciado de maneira direta pela tecnologia. Apesar do que possa parecer em um primeiro momento, isso não significa que o setor não seja beneficiado. Muito pelo contrário: a tecnologia promove um impacto muito positivo não só na produção quanto na entrega do produto final ao cliente. Por isso, o setor deve estar sempre atento às principais tendências de inovação logística do mercado.

Fique de olho e aposte nestes avanços para melhorar os processos na sua empresa em 2022. Confira a lista com as principais tendências!

1. Inteligência Artificial

A inteligência artificial já provou que ela não existe somente em filmes de ficção científica. A verdade é que ela faz parte do nosso dia a dia e está presente nos smartphones, computadores e até nas geladeiras. No setor logístico ela promete melhorar toda a cadeia de produção e potencializar a gestão de estoque, controle de fretes, de fluxos, entre outros pontos que envolvem o mercado.

2. Crescimento do comércio digital

comércio online já deixou de ser novidade há muito tempo. Este é um mercado em constante crescimento, e que oferece conforto e praticidade. Por isso, não dá para avançar no mundo dos negócios sem antes investir no comércio digital. O público prefere a comodidade de fazer compras pela internet e receber em casa. Assim, investir nesta modalidade de vendas e no seu aperfeiçoamento é algo que não pode ser negligenciado.

3. Automatização

automatização dos processos no setor logístico é algo que está cada dia mais presente na realidade do mercado. Isso porque ela promove a redução de custos, o aumento da produtividade da empresa, menor probabilidade de falhas, maior organização dos processos, entre outros pontos positivos. Assim, a empresa só tem a ganhar com o investimento na automatização. De maneira geral, a tecnologia sempre irá trazer benefícios para o empresário que se preocupa em se manter no mercado.

4. Delivery por drones

O delivery é sem dúvida alguma um grande avanço no mundo das vendas. Afinal, todo mundo quer o conforto de receber suas compras em casa. Mas já imaginou este processo sendo feito por robôs? Parece improvável, mas já tem empresa pensando em oferecer o serviço de delivery por meio dos drones. A Amazon, por exemplo, é um exemplo de empresa que testou a inserção dos drones nos processos logísticos.

5. Last mile

Tudo o que o cliente mais deseja é receber o seu produto o mais rápido possível. Por isso, as empresas de logística trabalham constantemente para aprimorar os seus processos e atender a demanda do cliente. Para isso, o transporte aéreo pode ser uma ótima opção para agilizar a entrega. O Last mile nada mais é que a aceleração da entrega para que o cliente receba o produto o quanto antes.

6. ESG

Os valores ESG (Environmental, Social and Governance), que em português significam Meio Ambiente, Sociedade e Governança, tratam das políticas de preservação ambiental por parte das empresas. Hoje a consciência ambiental é muito maior, deixando em evidência o quanto as gerações atuais se preocupam com o futuro do planeta. Assim, os consumidores cobram cada vez das empresas medidas que promovam a preservação ambiental. Por isso, a sustentabilidade também é uma tendência para o setor logístico em 2022.

7. Aplicações nativas em nuvem

Estas aplicações são voltadas para a experiência do usuário. Elas são capazes de desenvolver e integrar todos os processos de trabalho, personalizando softwares, por exemplo, que trazem uma experiência mais personalizada.

8. Data Fabric

O Data Fabric é uma tecnologia que visa promover o armazenamento de dados em nuvem, o que facilita todos os processos logísticos. Ele estará cada vez mais presente em 2022 por oferecer vantagens como: maior segurança ao armazenar dados, visibilidade de informações de maneira dinâmica e prática, maior controle de dados, entre outros benefícios.

9. Internet das coisas

A internet das coisas é outra tecnologia que nos faz lembrar dos famosos filmes de ficção científica. Mas a verdade é que ela existe no nosso mundo real e está ganhando mais e mais espaço. Hoje é possível contar com a Alexa, por exemplo. Ela é um produto da Amazon que parece uma caixa de som simples. Porém ela não é uma simples caixa de som. Além de se comunicar de maneira direta com a gente, ela agenda lembretes, alarmes, liga a TV, acende luzes e até travam e destravam portas.

No setor da logística esta tecnologia tende a ganhar o seu espaço facilitando processos que vão desde a produção até o momento da entrega do produto.

10. Transporte autônomo

O transporte autônomo ainda não é uma realidade tão concreta. Ele apresenta certa fragilidade em relação às cargas e também falhas de segurança. Mas como toda tecnologia, sabemos que pode ser aprimorada até que finalmente seja implementada e se torne parte da rotina.

11. Economia colaborativa

A economia colaborativa está relacionada com a terceirização dos serviços, como empresas de frete e também armazéns. Isso ajuda a simplificar os processos, facilitando o trabalho da empresa de logística. Por isso, será cada vez mais comum ver empresas trabalhando neste tipo de economia.

12. Sensores instalados nos itens

A instalação de sensores também faz parte da internet das coisas. Com a tecnologia é possível rastrear a entrega em tempo real. Além disso, os sensores têm um tempo de vida maior.

13. Entrega antecipada

O serviço de entrega antecipada também será ainda mais comum, pois as empresas precisam acelerar os processos de entrega. Assim, o produto sai do estoque antes mesmo que o cliente efetue a compra. Mas para isso é preciso conhecer bem o cliente, analisando todo o seu histórico de compras e frequência com que isso acontece.

14. Blockchain

Por fim, o blockchain é um sistema de registros que garante maior segurança para as transações realizadas com criptomoedas. De maneira simplificada, ele funciona como um livro de contabilidade. A tecnologia permite também que os pagamentos sejam feitos de maneira imediata, após a conferência do cumprimento do contrato.

A tecnologia revolucionou o mundo! Para que sua empresa continue crescendo a partir dos seus benefícios, basta que você fique atento às inovações do mercado.

Leia também: Processos logísticos: 7 dicas de ouro para otimizá-los

Tecnologia na logística: saiba como utilizar a seu favor

Tecnologia na logística: saiba como utilizar a seu favor

A área de logística é um dos campos de trabalho mais complexos de se administrar, visto que o acúmulo e disposição de informações é grande e quando não é bem organizado pode atrapalhar o andamento do negócio. Mas, com a ajuda da tecnologia, os processos têm se tornado mais fáceis e rápidos, principalmente quando a demanda é alta.

Tecnologia e logística

A logística envolve uma grande quantidade de pessoas para que as coisas fluam como deve ser: de forma rápida, organizada e eficiente. Para melhorar esse fluxo não só de informações como também de produtos, a tecnologia veio para transformar os processos.

Um sistema integrado de software à disposição da gestão, dos colaboradores e das lojas permite que as coisas andem sem atrapalhar ou diminuir o lucro empresarial. A tecnologia na logística veio para facilitar, agilizar e trazer mais precisão para o setor.

Por que aderir a tecnologia na logística?

Em virtude da grande demanda de informações, aliada a necessidade de organização e agilidade no processo das transações, surgiu uma exigência de que as empresas que trabalham e precisam de logística aderissem à tecnologia no dia a dia, pois ela é a chave que faltava para que o andamento dos processos logísticos fluíssem sem transformar o ambiente de trabalho em um verdadeiro caos.

Por conta dessa necessidade, os processos institucionais precisaram evoluir para transformar o cenário logístico das empresas. Em contrapartida, elas conseguiram se adaptar muito bem não só ao mercado, como também às novas formas de consumo e a urgência gerada pelos consumidores de que a mercadoria esteja sempre acessível, de forma impecável e sem atrasos.

A impaciência do consumidor foi diminuída com a agilidade dos softwares em processar dados rapidamente e com isso traçar rotas mais certeiras, bem como realizar a separação de produtos de maneira mais adequada e rápida.

Quais os benefícios da tecnologia para a logística?

A tecnologia na logística veio para somar com o setor, visto que ele ganhou mais agilidade por conta da automatização dos processos, bem como da diminuição de custos por conta das demandas organizadas e traçadas com rotas eficientes. Porém, os benefícios vão além:

  1. Redução de custos e falhas nos processos é uma das vantagens mais visíveis da aderência da tecnologia na logística, pois é natural que o processo manual e humano gere mais falhas do que um processo automatizado. Então, a médio e longo prazo, o procedimento de migração para as máquinas resulta em uma economia financeira para as empresas e uma quantidade menor de erros de produção.
  2. Agilidade nas entregas é outro ponto positivo gerado pela tecnologia no universo da logística, visto que a forma de consumir mudou muito ao longo dos anos e uma das principais características é a urgência de ter o produto em mãos. Por isso a adesão de máquinas e programas que aceleram essa entrega foi importante, pois gera uma maior credibilidade e até segurança para a empresa, pois esse trânsito de produto será fruto de uma rota bem planejada.

Como usar a tecnologia na logística ao seu favor

A quantidade de informações geradas pelo setor de logística é muito grande, por isso, usar a tecnologia faz com que a rotina de tarefas seja mais eficiente. Mas, como usá-la ao seu favor? Veja:

– Rastreie as cargas, dessa forma, com o acompanhamento dos transportes, é mais fácil verificar se a rota está fluindo bem, se teve algum tipo de intercorrência na carga e etc;

– Utilize comunicação fora da empresa, isto é, no processo de viagem e transporte, utilizar uma comunicação externa através de celulares, por exemplo, pode facilitar a troca de informações entre colaboradores e gestores;

– Na redução do tempo do ciclo do produto, pois com a tecnologia bem aplicada na logística é possível reduzir o tempo de produção e de transporte dos materiais, com isso o tempo do ciclo cai também (que é o tempo que o produto leva para ficar pronto);

– Sistema de gestão de estoque é outra área da logística que pode aderir ao uso da tecnologia, pois com um sistema de software é possível melhorar a visualização da quantidade de produtos e com isso realizar uma produção mais assertiva. A médio e longo prazo isso gera uma economia considerável para a empresa.

Como a tecnologia tem transformado processos como gestão de estoque e gestão de entregas

O processo de gestão de estoque e entregas é um dos mais importantes no mundo da logística, pois é a partir dele que se sabe quanto e quais produtos é preciso produzir, além de traçar as melhores rotas para que as entregas não atrasem.

Com a aderência da tecnologia nesse cenário, tanto de estoque quanto de transporte e entregas, fez com que o processo se tornasse menos caótico e mais produtivo. Visto que, com a presença de sistemas de softwares e programas de planilhas, a visualização das demandas de produção diminui os gastos desnecessários e ainda aumenta a rotatividade dos objetos.

A gestão de entregas é facilitada com o aprimoramento dos estudos de rotas melhores, que proporcionam uma maior rapidez nas entregas, o que é 100% positivo para as empresa, pois as pessoas não possuem mais a paciência de esperar um produto chegar, ela vai na concorrência e compra um semelhante.

Por isso que a organização é sinônimo de lucro nas empresas, pois com ela é possível visualizar onde está faltando ou sobrando mercadorias, para que o cliente sempre tenha o produto ao seu alcance quando desejar.

A tecnologia é uma grande amiga das empresas, com ela é possível diminuir os erros e falhas no processo de procuração, diminuir os custos e aumentar o lucro, além de estimular a produtividade dos colaboradores e melhorar a qualidade de vida deles, pois a carga de estresse tende a diminuir.

Conheça a Capital Realty

Precisa de ajuda? Conte com a Capital Realty! No mercado há mais de 20 anos, atuamos no segmento de infraestrutura logística, com alta capacidade técnica de desenvolvimento e gestão de propriedade.

Entenda a relação da logística com a fidelização de clientes

Entenda a relação da logística com a fidelização de clientes

Se você está no mundo dos negócios, então uma das questões mais importantes é a fidelização de clientes. Afinal, em nada adianta atrair novos clientes se em uma próxima oportunidade eles optarem por comprar de outra empresa, não é verdade? Por isso, deve-se sempre ter em mente que o mercado é muito competitivo e se atualiza constantemente.

Nesse sentido, quais são as estratégias que a empresa deve colocar em prática para não ficar para trás? Como fazer para evitar que o seu cliente se vá após a primeira compra? Em primeiro lugar, é preciso entender qual a relação de logística com fidelização de clientes. Continue a leitura e descubra qual a importância da logística para esse processo e como colocar em prática!

Qual a importância da logística para os negócios?

No mundo dos negócios, a logística é um elemento que não pode ser ignorado em hipótese alguma. Afinal, como os processos de produção e entrega de produtos e serviços vão funcionar adequadamente sem um bom planejamento estratégico? Então, a prioridade de uma empresa deve sempre ser a satisfação do cliente. E não há como fidelizar sem oferecer uma boa experiência. 

E como oferecer essa experiência se você não tem infraestrutura para garantir que isso seja feito? É isso que a logística garante, gerando, consequentemente, a fidelização dos clientes. 

Como fidelizar clientes através da logística?

Depois que o cliente comprou o seu produto, é hora de fidelizar! Para isso, é necessário valorizar o cliente desde o início dessa relação, principalmente pelo fato de ele ter escolhido a sua empresa entre tantas outras opções. Por isso, deve-se entender quais as suas expectativas e como fazer para atendê-las. 

Considere investir em programas de fidelização, com descontos, bônus, oferta de serviços exclusivos, entre outras formas de fazer o cliente se sentir especial. Esta é uma estratégia eficiente neste processo. É aí que entra a logística, pois é nesta fase que você precisa planejar a oferta destes serviços.

Dicas para auxiliar o processo de fidelização de clientes

Durante o processo de fidelização do cliente é preciso conhecer algumas dicas essenciais que podem te auxiliar. Afinal, o processo de logística não pode ser feito de qualquer jeito, sem um bom planejamento estratégico, pensado com objetivos claros e que garantam um retorno eficiente. Confira abaixo!

1. Ofereça serviços de qualidade

Para garantir a satisfação do cliente, pensar estrategicamente é fundamental. Para isso, deve-se fazer o possível para melhorar a qualidade dos seus produtos e serviços constantemente. 

Além disso, não esqueça de considerar o que o público espera que a empresa ofereça. Para atingir este objetivo você precisa ter um relacionamento direto com os clientes, com canais de comunicação eficientes, além de organizar todas as etapas da logística, que incluem o armazenamento, a distribuição e o transporte dos produtos.

2. Relacione-se com os clientes 

Enquanto você desenvolve os processos de logística da sua empresa e também a qualidade dos seus produtos, o cliente vai ficando cada vez mais satisfeito. Com isso, ele se mantém fiel a sua marca, e recomenda a sua empresa para os amigos e familiares. Por isso, invista em um relacionamento próximo e saudável com os atuais clientes da marca para que o negócio possa se desenvolver de forma mais adequada. 

3. Mantenha-os informados

Um ponto muito importante é manter os clientes sempre informados sobre todas as fases que envolvem o processo de compra. Para isso, antes de fechar um contrato com uma transportadora, verifique as opções de código de rastreio, prazo de entrega e atendimento para possíveis dúvidas que possam surgir durante o trajeto. Nenhum cliente gosta de comprar e ficar no escuro, sem saber se o produto já foi enviado, em qual cidade está e quando chegará até a sua residência.

3 principais conceitos da logística

Para realizar o processo da forma adequada, além de seguir as dicas anteriores atente-se também aos seguintes conceitos: 

  1. Logística integrada: este conceito defende que todos os processos logísticos devem estar integrados através de um sistema que proporcione mais eficiência e maiores resultados.
  2. Logística reversa: a logística reversa envolve o retorno de produtos que precisam ser descartados ou reaproveitados. Assim, ela acontece quando o cliente decide devolver o produto por algum defeito de fabricação e para reciclagem, como no caso de pilhas e baterias, por exemplo.
  3. Logística 4.0: o nome é referência a Quarta Revolução Industrial, chamada de Indústria 4.0. A única diferença aqui é que na logística 4.0 é feito o uso mais direto de avanços tecnológicos. A ideia da logística guiada pela tecnologia é que ela propicie mais produtividade, redução de custos e uma base de informações que auxilie na tomada de decisões.

Enquanto empresário é preciso sempre buscar por melhorias para os seus produtos e serviços, visando garantir que seus clientes estejam sempre satisfeitos. Por isso, não negligencie o que deve ser feito para atingir estes objetivos. A logística é um fator essencial para garantir que os processos de produção, armazenamento e entrega de produtos ocorram da maneira mais eficiente possível.

Leia também: 7 dicas para aumentar a qualidade e produtividade na logística.